Nada de novo

Tiago R Cardoso - 05.06.2008

Já por aqui escrevi que estas moções de censura são apenas puros exercícios de barulho e têm ainda como desvantagem para muitos deputados o facto de eles terem de lá ir marcar presença, o que para muitos é uma chatice.

O que assistimos ou lemos pelas notícias (Jornal Público) , é igual a um debate quinzenal normal; de um lado, uma Oposição que pinta quadros em tons negros, do outro lado um Primeiro-Ministro que traz sempre para o debate argumentos inovadores, a culpa não é dele, foram os outros e porque é que a Oposição quando estava no Governo não o fez.

No final, apenas a diferença de o pessoal ter de se levantar para o voto.
Chumbado e nada de novo.

Aguardo pelo dia em que se tire algo positivo destes debates, que não se reduzam à retórica habitual.

2 comentarios:

Anónimo disse...

Um deserto de ideias é o que aquilo é.

Compadre Alentejano disse...

Embora não gere nada de nocvo, faz mossa ao governo. O PS, com a sua maioria absoluta, chumbou a moção, mas ficou muita coisa no ar, e vimos sócrates não responder sequer a uma única pergunta do CDS...
Venham mais moções de censura.
Um abraço
Compadre Alentejano