Dia Mundial da Terra

Tiago R Cardoso - 22.04.2008

Assinala-se hoje em todo o mundo o Dia Mundial da Terra. Criado a 22 de Abril de 1970, o seu objectivo ao longos dos últimos 28 anos tem sido o de lançar a discussão sobre os ataques ao meio ambiente.

Para alguns as questões ambientais tem muito pouca importância, para outros servem para parecerem modernos ao falarem delas, outros apenas se lembram delas nos dias, como este, em que estas questões são faladas.

Por cá, Portugal, hoje pouco se vai falar do tema, este país está neste momento a discutir algo muito mais fundamental, quem vai ser o novo presidente do PSD.

Eu pelo menos nem dormi bem a pensar nisso.

Entretanto noutros locais discute-se o ambiente, a sua preservação e esta Terra, tão atacada e pilhada por esta sociedade dita civilizada e moderna.

Uma sociedade que está a destruir a própria casa, queimando-a, poluindo-a, partindo todos os vidros e destruindo todas as paredes.

O que pode vir a acontecer é que as futuras gerações, se vierem, nem tenham já um sitio em condições para viver.

Pior é se a casa nos cai em cima, ainda durante a nossa estadia.

4 comentarios:

Dalaila disse...

e podes crer que qualquer dia nos cai em cima, ou desparece pelo soalho, cada um de nós vai pagar bem caro a pégada que está a deixar no planeta, inconscientemente na maior parte dos casos, mas tem que haver quem chame a atenção, E feliz dia à nossa Terra que é de todos, mesmo que não pareça

quintarantino disse...

Haja bom senso e ainda se poderá, eventualmente, fazer qualquer coisa com a nossa casa comum!

Marcos Santos disse...

Aqui, no Brasil, este tema tem ganho corpo. Talvez pelo fato de termos ainda muita mata por destruir.

Sou muito reticente com algumas colocações. Vejo que há muita gente ganhando dinheiro com o tema, através de ONGs e mais ONGs. Na Amazônia existem tribos indígenas que falam alemão, permitem a entrada de alemães e colocam resistência à entrada de brasileiros, salvo quando das Forças Armadas (Exército, Marinha, Aeronáutica).

Sei que temos que lutar pelo planeta, mas devemos incluir mais essa preocupação em nossa agenda ambiental, evitar os espertalhões.

Ótima blogada!

Denise BC disse...

Meu Caro Tiago
Lamento imensamente pela noite mal dormida por causa da política, pois aqui do outro lado do oceano não dá mais para perder o sono com a política, o que é uma pena!
Mas as questões ambientais estão a preocupar a muitos.
Nós estamos repletos de maus hábitos e costumes, pois ainda temos muita lenha à queimar e não nos damos conta que os recursos naturais são finitos.
A ação antrópica é uma das maiores responsáveis pela escassez de recursos naturais e destruições em escalas planetárias.
Mas é preciso que o Mundo se una em prol da preservarmos da imensa "Bola Azul", não devemos nem podemos ser egoístas, e como bem disse, o que será das gerações futuras?

Denise BC